Instalar o MSSQL-CLI


Já tem um tempo que a Microsoft disponibilizou via github outro cliente para administrar o SQL Server o MSSQL-CLI.

Esse cliente, como o SQL Ops Studio, vem com o conceito de multi plataforma (Linux, Windows e Mac).

Mas ao invés de focar em uma interface gráfica ele é a evolução do SQLCMD (para a alegria da turma do Shell).

Para instalar o cliente o processo é muito simples, isso se você não tiver um proxy na sua empresa, antes de tudo você precisa instalar o Phyton.

Após a instalação abra o prompt como administrador e digite:

pip install mssql-cli

Espere alguns minutos (dependendo da sua qualidade de Internet) e ele será instalado, você não tem opção de personalização da instalação.

Para abrir o cliente digite:

MSSQL-CLI -Sservidor

Existem outros parâmetros que você pode usar.

Já para quem está atrás de um firewall,,, lá vem a novela…

Primeiro que você precisa saber qual o endereço do seu proxy e porta.

Segundo que se você seguir a documentação pode acabar tendo alguns problemas com detalhes…

Na documentação do pip ele indica que você precisa passar o parâmetro – – proxy=username:password@proxy:port

Se você prestou atenção o caracter de separação do usuário da senha é “:” e o de separação entre a senha e o servidor é o “@”, logo, se sua senha possuir um desses 2 caracteres Vc vai receber um monte de erro estranho.

Para resolver isso configure 2 variáveis de ambiente a http_proxy e https_proxy da seguinte forma:

Tudo no prompt de comando

set http_proxy=dominio\usuário:senh%40@servidor:porta

set https_proxy=dominio\usuário:senh%40@servidor:porta

Você percebeu que o @ da senha ficou com %40?

A tabela é a seguinte :

@ – – > %40

$–>%24

!–>%21

Aí o resto é a mesma coisa para instalar :

pip install mssql-cli

Espero que tenha ajudo quem está tentando instalar através de um proxy.

Esse cliente tem um bom potencial para substituir o sqlcmd mas ainda tem muita coisa para melhorar…

Melhorando o “Abrir o prompt de comando aqui”


Não sei se é de conhecimento de todos mas, já faz alguns anos que você pode usar o SHIFT + Botão Direito e vai aparecer uma opção de “Abrir o prompt de comando aqui” e ele vai abrir uma tela do DOS dentro daquela estrutura de diretório.

A mesma coisa vale para qualquer parte vazia na janela de conteúdo.

Isso ajuda? ajuda, mas tem um detalhe chato, ele não abre o prompt elevado e mesmo nas versões mais recentes não tem a opção de powershell. Fora que para abrir tem que pressionar o SHIFT junto.

É possível melhorar isso? claro, senão não estaria escrevendo este post…

Só testei no Windows 10, se alguém testar em outras versões deixa um comentário dizendo se funcionou ou não e em qual versão.

Para isso vamos ter que adicionar algumas linhas de registro.

Sempre vale um ATENÇÃO !!! Se você não sabe alterar, ou tem medinho, de alterar o registro clique aqui.

Para os outros, abaixo tem o que vocês precisam copiar e salvar em um arquivo .reg, após importar o arquivo vocês terão 2 novos menus com o Botão Direito:


Windows Registry Editor Version 5.00

; Command Prompt

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\shell\01MenuCmd]
"MUIVerb"="Command Prompts"
"Icon"="cmd.exe"
"ExtendedSubCommandsKey"="Directory\\ContextMenus\\MenuCmd"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\background\shell\01MenuCmd]
"MUIVerb"="Command Prompts"
"Icon"="cmd.exe"
"ExtendedSubCommandsKey"="Directory\\ContextMenus\\MenuCmd"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\ContextMenus\MenuCmd\shell\open]
"MUIVerb"="Command Prompt"
"Icon"="cmd.exe"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\ContextMenus\MenuCmd\shell\open\command]
@="cmd.exe /s /k pushd \"%V\""

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\ContextMenus\MenuCmd\shell\runas]
"MUIVerb"="Command Prompt Elevated"
"Icon"="cmd.exe"
"HasLUAShield"=""

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\ContextMenus\MenuCmd\shell\runas\command]
@="cmd.exe /s /k pushd \"%V\""
; PowerShell

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\shell\02MenuPowerShell]
"MUIVerb"="PowerShell Prompts"
"Icon"="powershell.exe"
"ExtendedSubCommandsKey"="Directory\\ContextMenus\\MenuPowerShell"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\background\shell\02MenuPowerShell]
"MUIVerb"="PowerShell Prompts"
"Icon"="powershell.exe"
"ExtendedSubCommandsKey"="Directory\\ContextMenus\\MenuPowerShell"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\ContextMenus\MenuPowerShell\shell\open]
"MUIVerb"="PowerShell"
"Icon"="powershell.exe"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\ContextMenus\MenuPowerShell\shell\open\command]
@="powershell.exe -noexit -command Set-Location '%V'"

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\ContextMenus\MenuPowerShell\shell\runas]
"MUIVerb"="PowerShell Elevated"
"Icon"="powershell.exe"
"HasLUAShield"=""

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\ContextMenus\MenuPowerShell\shell\runas\command]
@="powershell.exe -noexit -command Set-Location '%V'"
; Ensure OS Entries are on the Extended Menu (Shift-Right Click)

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\shell\cmd]
"Extended"=""

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\background\shell\cmd]
"Extended"=""

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\shell\Powershell]
"Extended"=""

[HKEY_CLASSES_ROOT\Directory\background\shell\Powershell]
"Extended"=""

Conversor de RPT para CSV


Mais um para a minha lista de programas inúteis,,,

Esse programa é um command line que vai converter o arquivo de saída do SSMS quando você escolhe ter o resultado em arquivo (.RPT) para arquivo separado por vírgula (.CSV)

Ele tem uma limitação que é pegar apenas uma saída do arquivo de resultado. O que isso significa? Se você executar mais de uma query no SSMS e isso gerar mais de um resultado dentro do arquivo RPT ele só vai converter o primeiro resultado.

Essa limitação não é do programa em si, mas da limitação do CSV, já que ele vai usar a primeira linha do arquivo como coluna e remover os traços da segunda linha você acaba tendo apenas um resultado dentro de um arquivo CSV pois não dá para ter mais de uma linha com nome de coluna.

Não entendeu nada? imaginei…

Conversor de arquivo rpt para csv

A execução dele é bem simples:

  • Para um arquivo: rpt2csv nome_do_arquivo.RPT
  • Para mais arquivos: rpt2csv nome_do_arquivo.RPT nome_do_arquivo2.RPT nome_do_arquivo3.RPT …

Percebeu que NÃO tem o nome_do_arquivo.CSV ? Ele vai gerar no mesmo local onde está o RPT o arquivo CSV com o mesmo nome.

Se você digitar apenas rpt2csv ele vai mostrar um pequeno help, já se você adicionar o /? ele vai mostrar um exemplo…

O download do projeto está aqui, caso queira apenas o executável baixe o projeto, descompacte e vá até o diretório “rpt2csv\rpt2csv\bin\Debug” lá você vai encontrar o rpt2csv.

Se isso for útil comente e responta a enquete,,, se não foi útil responda a enquete,,,

Se você fizer uma análise mais a fundo, vai perceber que ele converte qualquer coisa que se pareça com o RPT e não apenas RPT para o CSV.

ATUALIZAÇÃO !!!

Adicionei o projeto ao GitHub, quem quiser ajudar ou alterar o projeto pode acessar o endereço https://github.com/bigleka/rpt2csv